“às vezes é preciso restaurar as partes perdidas, encontrar tudo o que não se vê na imagem, tudo o que foi subtraído dela para torná-la “interessante”. Mas às vezes , ao contrário, é preciso fazer buracos, introduzir vazios e espaços em branco, rarefazer a imagem, suprimir dela muitas coisas que foram acrescentadas para nos fazer crer que víamos tudo. É preciso dividir ou esvaziar para encontrar o inteiro.” G.D.

É impressionante como a Denise, talvez sem ainda conhecer essa frase, dá-lhe corpo em cena. Acho que é tudo isso o que ela fala, e que ela move, quando ‘seus movimentos sugerem movimentos.’

Anúncios